segunda-feira, 9 de junho de 2008

MISS SÃO PAULO 1973






























































O concurso de Miss Universo 1973 um dos mais lindos da história do Miss Universo, o primeiro realizado num país europeu, em Atenas-Grécia, naquele maravilhoso Teatro Atticus de Herodes. Foi um ano meio fraquinho em termos de candidatas.
Sandra Mara, a Miss Brasil de Sorocaba, estava absolutamente linda. Quando faltava apenas uma vaga o top 5, ouvia-se o público gritar "Brazil, Brazil!". Tudo bem que ela não foi brilhante na entrevista em inglês, mas não dá para entender porque ficou de fora. Um traje típico de baiana simplesmente deslumbrante e um belo vestido de noite.
Quanto à vencedora, Margarita Moran, desculpem-me os filipinos, mas não dá para engolir.
Em 1973, a Grécia estava em plena ditadura e o país da vencedora, também. Entre as finalistas, a espanhola Maria del Rocío Madrigal, 4a. colocada, representando um outro país sob uma ditadura. Quem ganhou o Miss Amity? A chilena Jeanette Gwendalyn Robertson. Estranha coincidência, mas em menos de dois meses o Chile começaria uma sangrenta ditadura. Não é teoria conspiratória, mas se Sandra Mara, representante de outra ditadura, fosse top 5, seria muita bandeira...
Ainda bem que todas as ditaturas citadas acabaram, embora sigam existindo outros tipos de ditaduras... Bom, mas não estraguemos esssa linda homenagem por que sem duvida nenhuma ela estava maravilhosa.

Nenhum comentário: